Vinho dos Mortos: Tradição portuguesa de enterrar e depois ‘ressuscitar’ os vinhos

Você já ouviu falar sobre o “Vinho dos Mortos”?

Trata-se de uma tradição portuguesa que tem origem nas invasões dos franceses em Portugal, no ano de 1808. O povo, com medo que pilhassem seus bens, esconderam muitas de suas coisas enterrando, dentre elas seus vinhos, principalmente no chão das adegas, pipas e lagares.

Mais tarde, quando recuperaram seus bens e/ou voltaram para suas casas, desenterraram os vinhos e descobriram que estavam muito melhores, pois tinham adquirido propriedades novas.

Por ter sido “enterrado” e depois “ressuscitado”, o uso desta técnica, descoberta ocasionalmente, ficou conhecida como criação do “Vinho dos Mortos”.

Essa tradição ainda existe em várias vinícolas Portuguesas e em algumas com o espírito português pelo mundo. No Brasil a Quinta do Olivardo, em São Roque – SP, faz seus vinhos dos mortos seguindo a mesma técnica.

Nós já degustamos um vinho dos mortos deles e é sensacional! Um delicioso Cabernet Sauvignon, com notas acentuadas, que foi harmonizado com pratos portugueses!

E você, já tomou algum vinho dos mortos?

euamovinho
Um blog dedicado a todos que amam vinho! Se você se interessa por essa bebida sagrada, acompanhe sempre.
Post criado 239

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Relacionados

Comece a digitar sua pesquisa acima e pressione Enter para pesquisar. Pressione ESC para cancelar.

De volta ao topo